Especial Estúdio ao Vivo

Na entrada, uma fila gigantesca contorna a lona da Academia Brasileira de Circo. Na outra parte do espaço, carros lotam o estacionamento. Na parte externa, engarrafamento. Por todo lado, rostos pintados, narizes de palhaço, chapéus enfeitados e integrantes de fã-clubes.

Com o atraso para o início do espetáculo, devido ao grande número de pessoas presentes, a espectativa aumenta. Mas é muito bem correspondida do início ao fim do show.

A trupe não aparece diante do público, e sim atrás dele. Caminho aberto ao palco, as bonecas Gabi Veiga e Donela sobem trazendo malabares em chamas. A voz de Anitelli ecoa e rege o coral de 3500 integrantes a partir da frase “tem horas que a gente se pergunta… por que é que não se junta tudo numa coisa só?”.

Aí, é cantar as músicas, se impressionar com o ator circense Tocinho, com o boneco trapezista Rober Tosta e as performances de Ivan Parente (vocal), Suzi Arruda (Lira) e Fernando (voz) e encarar o show como um sarau gigantesco.

Dentre os recados do Fernando, o mais intenso é sobre a importância da música alternativa – “pirateiem nosso trabalho, divulguem a arte, façam saraus, viva a arte independente!” – e o mais emocionante: amanheçam brilhando mais forte. brilhem aonde estiver”.

No fim, a sensação de que estar num show do Teatro Mágico é ter a certeza de que algum aspecto da sua vida vai mudar. Pra melhor. É experimentar uma variedade de sensações proporcional à quantidade de surpresas apresentadas no palco.

·······
Sobre a magia do TM, ninguém melhor do que eles para falar…

“É louco, é louco. É bacana que a gente está lá em cima do palco, a gente vê a reação das pessoas. Tem pessoas que parece que precisam de uma palavra, parece que precisam de uma coisa boa mesmo. E você se depara com tudo, pessoas chorando e agradecendo você. As pessoas falam pra gente não parar nunca com isso. Você não imagina que está fazendo isso, mas é gratificante pra caramba você subir no palco e fazer o bem pra pessoa através da música, de palavras positivas que ajudam mesmo… Então acho que isso é a grande magia . De poder fazer parte, estar em cima do palco. Esse é o lance. O grande lance mesmo”.
(DJ HP)

“A vida. É a coisa mais gostosa, é a minha vida, (…) é o que eu mais amo… E quando tem aquela tremidinha antes de entrar no palco, é a coisa mais linda, mais gostosa que eu sinto, é muito bom”.
(Gabi Veiga)

“A maior magia é ver que todo mundo entrou no comum, encontrou numa freqüência comum: palco, platéria, público, quem estava no som, quem estava na luz… E quando a gente encontra isso, a gente se arrepia, a gente sente que outras coisas são possíveis de se realizar. A magia que a gente traz hoje na verdade vai ter um efeito amanhã, depois, na minha mostra, no meu gesto diário. E é isso que nos fortalece. Eu acredito nisso”.
(Fernando Anitelli)

·······
Amanhã você confere a entrevista com o Fernando Anitelli.

Anúncios

3 comentários sobre “

  1. é assim… mágica.. encantamento.. felicidade.. lição de vida!!!

    como eu jah disse… Teatro Mágico muda a vida… renova energias e faz a gente acreditar que a humanidade tem solução… acreditar na vida!!! no poder do sentimento de cada um.. na palavra de cada um.. no sorriso de palhaço de cada um!!!

    por isso eu amo.. e me emociono cada vez mais!!!

    Obrigada Lara!!!!

  2. o tom hertz agradece, amanda!

    abraços e volte sempre!
    vinde, TM..

  3. Muito bacana o Blog!
    Bastante conteúdo e excelentes textos!

    Parabéns Lara que admiro muito e ao Cristiano!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s