A poesia amarrada nas cordas do varal literário popular acordou e, por encanto, virou música nas vozes de um grupo nativo das terras de Arcoverde. O Cordel de Fogo Encantado surgiu em 1997 com um espetáculo artístico plural nos palcos. A trupe José Paes de Lira [Lirinha], Clayton Barros, Emerson Calado, Nego Henrique e Rafa Almeida ora declama, ora interpreta, ora canta.


Os lançamentos começaram em 2002, primeiro com o cd de mesmo nome do grupo e depois com O Palhaço do Circo sem Futuro. O show do DVD lançado pela MTV aconteceu em 2005 na Casa das Caldeiras [SP]. O repertório reune uma coletânea dos dois primeiros trabalhos e já preparou o público com algumas canções do terceiro cd Transfiguração, de 2006.

O título Preta [composta pelo próprio Lirinha] ocupa a faixa 5 deste álbum que dialoga com mais maturidade a música com as artes cênicas.

Preta
leva teu xale azul
de seda branca e azul
que vai chover
a chuva nunca pára de cantar
a chuva nunca pára de descer
[…]
e a chuva vem pequena e grandiosa
acalenta ou revira o nosso lar
preta
leva teu xale azul
se seda branca e azul
que vai chover
a chuva nunca pára de cantar
a chuva nunca pára de descer
e a chuva [chuva]
com o seu sonho de água
vem acesa pra lavar o que passou
a chuva nunca pára de cantar
a chuva nunca pára de descer
a chuva nunca pára de cantar
a chuva nunca pára de descer
a chuva nunca pára de cantar
a chuva nunca pára de descer

O Estúdio aproveita o romantismo sutil de Lirinha e transfigura o elemento chuva na poesia do Sobre o Som da semana.

Branca
leva teu lenço azul
de borda branca
que do olho azul vai chover.

a nuvem [azul] nunca esgota de gotejar
e o rio [azul], para onde corre, de escorrer

e a tão pequena nuvem grandiosa
é triste pois do rio longe está.
e o tão frustrado rio tortuoso
a segue para onde carrega o vento.

e a chuva
como Lira d’água
é afeto que une rio e nuvem
azul os dois em tons de cinza.
Lá e cá. Sentimento Encantado Branco e Preto
que nunca pára de descer.
Azul em tons de cinza.

Anúncios

4 comentários sobre “

  1. Fantástico!!!
    Como já tinha dito, muito bom mesmo!!

  2. Cordel é mais um dos grupos pernambucanos que vêm se destacando,cada vez mais e mais,os considero o tanto que a Nação Zumbi.
    Já tenho o Transfiguração,o cd é muito bom,vale a pena conferir.

  3. Só lamento nunca ter visto uma apresentação desse grupo MARAVILHOSO!!!

    Bjos!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s