Entrevista – Galdino (TM)

Durante a cobertura do show O Teatro Mágico (sim, ainda eles), conversamos com Galdino (violino, bandolim e vocais). A entrevista exclusiva, em que ele fala sobre a nova fase d’O TM, você confere agora:

galdino_2

A poesia prevalece
“O primeiro trabalho de O Teatro Mágico foi totalmente independente. O segundo também é, mas o primeiro foi feito sem muito recurso, chamando os amigos para participarem da gravação de forma gentil, amigável. E era muito difícil, muito complicado: pagar o custo, falar de poesia, fazendo teatro, se maquiando, propondo uma crítica, uma discussão sobre a indústria.

Então a gente era muito temerário, porque ficava imaginando se ia dar certo ou não. (…) E, quatro anos depois, a gente foi gravar o segundo CD com essa idéia de que a poesia tinha prevalecido, que esse projeto, essa idéia realmente tinha vingado, tinha dado certo. Então é isso que quer dizer a poesia prevalece: a poesia, a música, a arte, a ousadia prevaleceu, graças claro, ao público que foi muito simpático com a gente, teve essa empatia, colaborou com a gente. Eu acredito que é um desabafo, um grito de felicidade, de comemoração: a poesia prevalece!”

Amadurescência
O CD Entrada para Raros era ainda o primeiro trabalho, tudo estava sendo testado. O segundo CD a gente chegou mais maduro, o grupo já estava coeso, já eram as pessoas que estavam na estrada, que tinham parte no CD, a gravação já era em um estúdio de primeira linha e com tempo para produzir. A gente ficou um mês preparando o CD, arranjando e com tempo para compor. Então amadurecemos: o trabalho amadureceu, as críticas amadureceram, foi um momento de amadurecimento de todo O Teatro Mágico.

Essencialmente [o segundo trabalho] é a mesma coisa, a mesma idéia [do primeiro], só que agora mais elaborado, com mais tempo. O primeiro trabalho era mais espalhafatoso, lúdico, brincalhão, tinha um pouquinho mais de improviso talvez. Agora não, ficou mais marcado, mas continua tendo improvisos, continua tendo o lúdico, só que agora nós estamos mais preocupados também com estas questões relacionadas ao trabalho, ao ser humano dentro das artes, da cultura, da sociedade industrial, do conhecimento. A gente fala dessa relação, do preconceito, do indivíduo que não é o destaque da sociedade, que é o cara que catava papelão. Nos aprofundamos mais em questões sociais.

Segundo e Terceiro Ato
O Segundo Ato já está com 30.000 CD’s vendidos. A gente rompeu uma barreira agora, porque com o trabalho independente, sem gravadora, a nossa preocupação é como conseguir chegar a todas as praças, a todos os locais para o público. E agora a gente está distribuindo [o CD] pelas livrarias. É a melhor forma que tem de vender o trabalho, pois dá certo conforto pra gente, uma situação em que o nosso CD está junto com um livro.

Rompemos mais uma dificuldade, mais uma barreira que era imposta pra quem faz música independente. Eu acho que isso demonstra que o trabalho está indo melhor que o primeiro. O terceiro CD a gente ainda está trabalhando, mas as idéias já estão amadurecendo.

Trabalhos Paralelos
Eu mesmo já tenho um trabalho gravado, que mistura música brasileira com ritmos alternativos, literatura.. É um trabalho que tem a participação do Fernando Anitelli, mas que é diferente, não é outro Teatro Mágico, é uma outra vertente.

Todo mundo tem um trabalho, paralelo ao Teatro Mágico e que, espero que o público do Teatro Mágico dê, mais uma vez, mais uma demonstração de que está atento a estas diversidades e mostre realmente que é possível fazer arte independente, fazer música independente. Eu chamo de arte, de cultura autônoma. Você poder se libertar de forma autônoma.

Espero que o público de O Teatro Mágico, e outros públicos também, estejam afinados com o que vem de interessante por aí, porque ainda tem muita coisa interessante para acontecer.

Novidades

O Teatro Mágico realizou shows de 5 a 10 de maio no Itaú Cultural. Foram gravadas imagens para o novo DVD da trupe.

Acompanhe aqui e aqui o Ato Contra  o AI-5 da Música Digital, movimento que O TM apóia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s